A análise da causa raiz (RCA) é uma técnica frequentemente usada para responder à pergunta: “Qual o motivo da originação do problema?”. Essa análise busca identificar a origem de um problema usando um conjunto de etapas e ferramentas, de modo que você possa:  

  1. Determinar o que aconteceu; 
  2. Determinar o motivo pelo qual aconteceu; 
  3. Descobrir o que fazer para reduzir as chances de que volte a acontecer.  

Um dos princípios da qualidade encontrados na ISO 9001 é elevar o desempenho das organizações, mas sabemos que no decorrer do caminho aparecem problemas que precisam ser corrigidos. 

Utilizar métodos para analisar a causa raiz dos problemas apresentados é uma prática que deve estar consolidada nas organizações que visam à melhoria contínua. 

Por que analisar a causa raiz?

Uma análise de causa raiz ajuda a identificar os desafios e problemas enfrentados para alcançar um determinado objetivo.  

Problemas operacionais constantemente podem gerar “gargalos” como desvios e desperdícios de esforços, tempo e recursos. De maneira geral podemos dizer que quanto mais cedo identificar a origem de determinado problema, menos custo irá gerar para a empresa.  

Muitas vezes, elaboramos um plano de ação acreditando que ele vai resolver tudo. Entretanto, é preciso entender que elaboramos o plano de ação para eliminar uma causa raiz.  

Se identificamos a causa raiz errada, haverá um esforço para eliminá-la e a ocorrência acontecerá novamente, pois não atuamos sobre a raiz do problema  

Por isso a etapa de análise de causa raiz é essencial e deve ser tratada com muita atenção. 

Use Ferramentas de Qualidade

Essa é uma prática fundamental para profissionais da qualidade e arrisco dizer que se você não utiliza nenhuma ferramenta da qualidade na sua análise, muito provavelmente não identifica nada de forma precisa e acaba “chutando” o que pode estar acontecendo. 

Algumas ferramentas para ajudá-lo na análise de causa raiz são: 

Eu escrevi um artigo detalhando o passo a passo e as melhores práticas da análise de causa raiz, leia na íntegra: Análise de causa raiz: Por que fazer e quais as melhores práticas? 

Foque em Documentar as Ocorrências

Ter as informações corretas a respeito da Não Conformidade é crucial para dar andamento na tratativa. A falta de informações ou o registro incorreto quando a ocorrência é aberta pode dificultar muito a identificação da causa raiz das não conformidades. 

Garanta uma análise consistente para encontrar a verdadeira causa raiz das não conformidades. 

O processo de tratativa envolve muito mais do que apenas encontrar a causa raiz das não conformidades. Porém, esse trabalho vai direcionar o resultado de toda a execução. Afinal, o objetivo de tratar uma não conformidade é eliminar a causa raiz de um problema que afeta a empresa. 

Automatize seu Processo

Para atender essa demanda, a SoftExpert desenvolveu uma excelente ferramenta online criada para suprir as necessidades de empresas atuantes nos mais diversos segmentos que buscam otimizar seus negócios.   

Proporciona maior agilidade, clareza e eficiência na análise de causa raiz e no gerenciamento de planos de ação.  

Eleve o nível de resolução de problemas da sua empresa. Conheça mais sobre os serviços que a SoftExpert oferece e invista na maximização do potencial de crescimento de seus negócios.

 

Jeferson Santos

Autor

Jeferson Santos

Especialista em Qualidade. Analista de comercial na SoftExpert, fornecedora de softwares e serviços para automação e aprimoramento dos processos de negócio, conformidade regulamentar e governança corporativa.

Você também pode gostar:

Receba conteúdo gratuito em seu e-mail!

Assine nossa Newsletter e receba materiais sobre as melhores práticas em gestão produzidos por especialistas.

Ao clicar no botão abaixo, você confirma que leu e aceita nossa Política de Privacidade.